Concurso TRE SP 2023: vagas de ensino médio e superior


Concurso TRE SP 2023: órgão solicita participação em edital unificado.

Procurando concursos em 2023? O TRE SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) participará do edital do TSE, após confirmar pedido de participação no Edital unificado.

O órgão responsável pelo concurso, informou em 18 de abril, que há possibilidade de vagas de ensino médio e superior.


É esperado que o número de vagas do concurso TRE SP 2023 seja definido próximo a data do fechamento do edital. Por enquanto não há calendário definido. O pedido do certame já foi encaminhado ao TSE.


Em novembro do ano passado, foi sancionada pelo presidente da república a Lei Nº 14.234 autorizando 225 cargos efetivos no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo. Divididas em:


  • 129 vagas de cargos técnicos, exigida formação no ensino médio.

  • 96 vagas de analista, exigida graduação superior.

Outros cargos em comissão deverão ser preenchidos conforme designação interna.


O Último Concurso TRE SP foi em agosto de 2016, verifique o edital do último concurso clicando aqui. Foram avaliados 138.698 inscritos, avaliados através da aplicação das provas Discursiva, Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. Realizadas todas na mesma data nos períodos matutino e vespertino.

As provas objetivas continham questões de conhecimentos gerais e específicos no formato de múltipla escolha, foram um total de 60 questões.

Já a prova discursiva foi para as especialidades de Analista Judiciário a avaliação foi composta de estudo de caso, e para Técnico Judiciário composta por redação.

O estudo de caso tinha como objetivo avaliar conhecimento em análise de sistemas, com questões respondidas por escrito.

Requisitos dos cargos de 2021

Nível superior – Analista Judiciário

Área Judiciária

Diploma de conclusão de graduação em Direito, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo MEC.

Área Administrativa

Conclusão de graduação em nível superior em qualquer área, menos licenciatura curta, reconhecido pelo MEC.

Apoio Especializado em Análise de Sistemas

Graduação em TI ou qualquer curso de nível superior acrescido.

Apoio Especializado em Assistência Social

Conclusão de nível superior em Assistência Social, reconhecido pelo MEC e registro no Conselho Regional.

Área Administrativa Especializada em Contabilidade

Nível superior em Ciência Contábeis, reconhecido pelo MEC e com registro no Conselho Regional.

Apoio especializado em Medicina

Graduação em Medicina reconhecido pelo MEC e título de especialista em Clínica Médica ou Residência Médica comprovados, experiência de 1 ano.

Apoio especializado Psicologia

Graduação em Psicologia, reconhecido pelo MEC com registro profissional no Conselho Regional.

Apoio especializado Relações

Graduação em Comunicação Social habilitado em Relações Públicas, reconhecido pelo MEC e registro profissional no Conselho Regional, experiência de 1 ano.

Nível médio – Técnico Judiciário

Área Administrativa

Certificado de conclussão do ensino médio.

Artes Gráficas

Certificado de conclussão do ensino médio, ou curso técnico equivalente com no mínimo 200 horas, expedidos por órgão competentes. Possuir no mínimo 2 anos de experiência com impressão off-set e digital.

Apoio Especializado em Enfermagem

Certificado de conclusão do ensino médio ou curso técnico equivalente, juntamente com certificado em técnico de enfermagem todos expedidos por instituições de ensino comptetentes, registro no Conselho Regional de Enfermagem.

Apoio Especializado em Programação de Sistemas

Certificado de conclusão do ensino médio ou curso técnico equivalente, juntamente com certificado de programação de sistemas, com no mínimo 120 horas. Aceita disciplinas de programação, engenharia de software em curso superior na área de TI reconhecidos pelo MEC.

Apoio Especializado em Operação de Computaodres

Certificado de conclussão do ensino médio com certificado de habilitação de operação em computadores, com carga mínima de 120 horas. Aceita disciplinas de Sistemas Operacionais, Redes de Computadores e Eletrônica, em curso superior na área de TI reconhecidas pelo MEC.

Salários e Benefícios

Seguindo o último edital publicado, a remuneração de nível médio e nível superior foram de R $5.934,15 e R $ 9.736,27 respectivamente, estes valores foram reajustados recentemente.


Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário Cancelar resposta